Europa Lisboa Portugal

Como visitar o Mosteiro dos Jerónimos em Lisboa

O Mosteiro dos Jerónimos em Lisboa é um dos monumentos mais visitados da cidade. A fila para entrar é enorme em qualquer horário do dia. Mas como sempre escutávamos que era um lugar imperdível em Lisboa, queríamos muito visitar. Conseguimos fazer isso da última vez que estivemos em Lisboa, em setembro de 2019. Mas só encaramos entrar no Mosteiro dos Jerónimos pois compramos os ingressos com antecedência e isso nos faria evitar filas, e fez. Compramos os ingressos pela Get your Guide, que é parceira aqui do blog e vou explicar mais para frente como funcionou tudo.

Esse importante monumento português fica em Belém, perto da Torre de Belém e do famoso Pasteis de Belém, e pode-se visitar tudo no mesmo dia. Além disso, bem perto tem o monumento do Padrão do Descobrimento, que tem uma vista linda para o rio Tejo. Vou detalhar nossa visita e colocar diversos tópicos importantes para você planejar sua visita ao Mosteiro dos Jerónimos.

Visitar o Mosteiro dos Jerónimos

Como chegar ao Mosteiro dos Jerónimos

É muito fácil de chegar ao mosteiro. Nós fomos de carro, e como chegamos cedo, encontramos facilmente lugar no estacionamento que existe bem perto.

Se estiver utilizando o transporte público, pode chegar utilizando ônibus, os que chegam lá são os números: 727, 28, 729, 714 e 751.

O elétrico também chega ao mosteiro, pegue o número 15. Para chegar utilizando o trem, desça na estação Belém.

Procurando hoteis em Lisboa? Veja nossa seleção com as melhores localizações para se hospedar em Lisboa

Quando custa o ingresso e como evitar filas

O bilhete de entrada para o Mosteiro dos Jerônimos custa 10 euros por pessoa. Mas agora vem a grande dica: a fila para comprar o ingresso na hora é enorme. Portanto, se pretende visitar o mosteiro, economize tempo e garanta seu ingresso com antecedência. Nós fizemos isso, deu muito certo e vou contar como foi.

Compramos os ingressos através da Get your Guide. Após a compra, é preciso imprimir o voucher, que chega rapidamente por e-mail. O valor para compra antecipada é de 12,50 euros por pessoa. É mais alto que o valor de entrada, pois é cobrada uma taxa de reserva online, que na minha opinião, vale a pena.

No dia da sua visita, vá com seu voucher impresso no Museu Nacional de Arqueologia para retirar seus ingressos. Esse museu fica bem ao lado do mosteiro. Chegamos na recepção do museu, retiramos nossos ingressos para o Mosteiro dos Jerônimos sem nenhuma fila. Foi bem simples e rápido.

Como evitar fila no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa

A fila para quem iria comprar na hora já estava grande e ainda faltavam alguns minutos para o mosteiro abrir.

No horário de abertura do mosteiro, entramos também sem nenhuma fila. Mas vale ressaltar que nessa entrada, você poderá pegar um pouco de fila, mas que anda rapidamente, pois é apenas a conferência de ingresso para entrada.

Ao sairmos, por volta das 12h, a fila para compra de ingressos era maior ainda. Certamente, você não se arrependerá de garantir seu ingresso para o Mosteiro dos Jerónimos com antecedência.

História do Mosteiro dos Jerónimos

O real Mosteiro de Santa Maria de Belém ou Mosteiro dos Jerónimos teve sua construção iniciada em 06 de janeiro de 1501, a mando do rei D. Manuel I. O novo monumento foi construído no local que antes existia uma capela, que tinha sido fundada pelo infante D. Henrique e doada à Ordem de Cristo.

O Mosteiro dos Jerónimos é considerado uma joia da arquitetura manuelina, que integra elementos do gótico tardio e do renascimento. É uma obra arquitetônica única.

Em 1755, aconteceu um grande terremoto, que destruiu boa parte de Lisboa. Por outro lado, o Mosteiro dos Jerónimos suportou bem a catástrofe e teve poucas partes atingidas, as quais foram reparadas logo em seguida.

Com a extinção das Ordens Religiosas, por um decreto de 28 de dezembro de 1833, o Mosteiro dos Jerónimos foi integrado ao patrimônio do Estado. Suas dependências foram divididas entre à Real Casa Pia de Lisboa, que é uma instituição de acolhimento de órfãos, mendigos e desfavorecidos, o Museu da Marinha e o Museu Nacional de Arqueologia.

O seguro-viagem é obrigatório em Portugal e leitores do blog tem desconto especial! Faça uma cotação na Seguros Promo. Use o cupom CONTANDODESTINOS e ganhe 5% de desconto em qualquer plano escolhido. E tem mais coisa boa, escolhendo o pagamento no boleto, você ganha + 5% de desconto.

Como é a visita ao Mosteiro dos Jerónimos

Logo que entramos já vimos o claustro, um lugar lindo e que era destinado à oração e meditação dos monges Jerónimos. O piso duplo abobadado e a planta quadrangular, combinam elementos religiosos, no exemplo maior do estilo manuelino.

interior do Mosteiro dos Jerónimos em Lisboa

Logo do lado esquerdo fica o Antigo Refeitório, que foi construído entre 1517 e 1518. Grossos cordões de pedra circulam a sala e emolduram lindos azulejos do século XVIII, que representam a vida de José no Egito.

Antigo Refeitório no Mosteiros dos Jerónimos, em Lisboa

Ainda no Claustro no piso térreo, fica o túmulo do poeta Fernando Pessoa. O túmulo foi transladado para o mosteiro em 1985, no aniversário de 50 anos da morte do poeta.

Túmulo de Fernando Pessoa no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa

No Claustro você encontrará 12 portas que eram os confessionários. O confessor entrava pelo claustro e o penitente pela igreja, ficando separados por uma grade. A Sala do Capítulo foi projetada para ser utilizada para reuniões capitulares dos monges, mas nunca foi utilizada para esse fim. Foi concluída no século XIX, para acolher os restos mortais de Alexandre Herculano, um escritor português.

Sala do Capítulo no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa

Seguimos a visita para o andar superior, de onde se tem uma visão ainda mais linda do claustro. De lá de cima consegue-se ver parte da Igreja do Mosteiro. Para visitar apenas a igreja não é necessário comprar ingresso e a entrada é ao lado do mosteiro.

Igreja do Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa

Nessa parte também pode-se ver o Coro-Alto, um local destinado às orações, cânticos e ofícios religiosos dos monges.

Coro-Alto no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa

Passeamos mais um pouco pelo Mosteiro dos Jerónimos, vendo cada detalhe da construção e apreciando toda sua beleza.

Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa

Informações adicionais

Os horários de funcionamento do Mosteiro dos Jerónimos são de outubro a abril das 10 às 17:30, sendo a última entrada às 17 horas. Já nos meses de maio a setembro, o horário é das 10 às 18:30, sendo a última entrada às 18 horas.

Ele permanece fechado todas às segundas-feiras e nos dias: 01 de janeiro, domingo de Páscoa, 01 de maio, 13 de junho e 25 de dezembro.

Por se tratar de um monumento histórico, algumas partes não possuem acessibilidade para pessoas com mobilidade reduzida. As partes acessíveis são a Igreja e o Claustro Inferior.

Conclusão

Perto do Mosteiro dos Jerónimos fica a Torre de Belém, o monumento Padrão dos Descobrimentos e a cafeteria que faz os famosos Pasteis de Belém. Não muito longe dali, você ainda encontra o Museu Nacional dos Coches.

Aproveite para conhecer tudo e ter um dia lindo em Belém. Não deixe de conhecer o Mosteiro dos Jerónimos por causa da enorme fila, garanta com antecedência seu ingresso. Vale muito a pena visitar o Mosteiro dos Jerónimos.

Vale a pena comprar com antecedência:

Você pode gostar também

Sem comentários

Deixe um comentário