Cracóvia Europa Polônia Varsóvia

10 coisas importantes para saber antes de viajar para a Polônia

A Polônia é um país incrível, que me cativa a cada visita. Está localizado no centro da Europa, e esse foi um dos motivos para o país ser fortemente atacado e ter sofrido tanto durante a 2ª Guerra Mundial.

Mas a história da Polônia começou muito antes desse período. As construções antigas contam como eram na época que reis governavam o país, estátuas conta lendas sobre cidades, as cervejas e vodka animam a noite dos poloneses, e apesar de todo o sofrimento, o povo parece alegre e simpático.

Amei visitar a Polônia e quero voltar para lá sempre que possível. Conheci Varsóvia em 2015 e Cracóvia em 2017.

coisas importantes para saber antes de viajar para a Polônia

Comece a planejar sua viagem, e para isso, veja a lista com 10 coisas importantes para saber antes de viajar para a Polônia.

 

10 coisas importantes para saber antes de viajar para a Polônia

1 – Idioma

O idioma oficial da Polônia é o polonês. Nas nossas andanças pelo país, tivemos algumas dificuldades em encontrar poloneses que falem inglês. Em alguns locais é até difícil encontrar alguém que fale, pelo menos um pouco.
A língua polonesa é complicada, usa o alfabeto com alguns símbolos e a pronuncia é difícil, mas em contrapartida, os poloneses são muito simpáticos e solícitos, e se esforçam ao máximo para entender o que você está falando e ajudar.

Eles ficam muito felizes quando você se interessa pela cultura e a língua deles, então, aproveite para aprender algumas palavras mágicas em polonês e ganhar ainda mais a simpatia dos poloneses.

Bom dia – Dzień Dobry (pronúncia: GIN DOBREY)

Obrigado – Dziękuję (pronúncia: GIN-KU-YE)

Por favor – Proszę (pronúncia: PROSHEH)

 

2 – Moeda

Apesar da Polônia fazer parte da União Europeia, a moeda oficial do país é o zloty. Ele é representado internacionalmente por PLN.

Para terem uma ideia do valor da moeda, darei alguns exemplos de conversão (Valores baseados na conversão de 20.03.2017):

R$ 100 (reais) equivalem a 128 zlotys

100€ (euros) equivalem a 429 zlotys

$100 (dólares americanos) equivalem a 399 zlotys

Cartões de crédito são, normalmente, bem aceitos nas grandes cidades. Mas é sempre bom ter dinheiro em espécie, principalmente se for visitar pequenas cidades do país.

 

3 – Principais Aeroportos

Não existem voos diretos do Brasil para a Polônia. Mas as grandes companhias aéreas fazem voos com escala para a Polônia. Existem também algumas companhias aéreas low cost que voam para o país, como a Ryanair e Wizzair.

Os principais aeroportos do país são o de Varsóvia, Aeroporto Frédéric Chopin de Varsóvia (WAW) e o de Cracóvia, Aeroporto João Paulo II (KRK).

Uma boa opção de aeroporto, e que tem voos low cost, é o de Katowice, Aeroporto Internacional de Katowice (KTW). Esse aeroporto fica a aproximadamente 100 Km de Cracóvia. Existem vans e ônibus que fazem o trajeto aeroporto-Cracóvia.

De todos os aeroportos para a cidade, existem opções de transporte, como ônibus e táxi.

 

Leia também -> Onde se hospedar em Cracóvia

 

4 – Visto e Documentos

Brasileiros não precisam de visto para entrar na Polônia. Podem ficar por 90 dias no país, como turistas, desde que comprovem que tem como se manter e hospedagem.

É necessário ter passaporte válido e com o vencimento e, no mínimo, 3 meses antes da data de saída do país.

O seguro-viagem é obrigatório. Saiba um jeito de fazer seu seguro-viagem direto aqui o blog.

 

5 -Voltagem e tomadas

É muito importante saber a voltagem e o tipo de tomada que existe no país antes de viajar. Dessa forma, você levará apenas o que realmente utilizará e poderá levar algum adaptador, se necessário.

Na Europa a voltagem é 220. Na Polônia o tipo de tomada utilizada é a tipo E, com 2 pinos redondos e paralelos, e um pequeno orifício no alto. Essa tomada evita choques e aumenta o uso do fio terra.

 

 

6 – Clima

O clima da Polônia é temperado, com um verão quente e curto e inverno prolongado. As baixas temperaturas começam em outubro e vão até meados de abril. Os meses mais quentes são julho e agosto.

Veja a tabela com as temperaturas médias de Cracóvia:

TempJaneiroFevereiroMarçoAbrilMaioJunho
max13°19°21°
min-7°-5°-2°11°
TempJulhoAgostoSetembroOutubroNovembroDezembro
max23°23°18°13°
min12°11°-4°

Considero que a melhor época para visitar a Polônia é de maio a setembro.

 

7 – Segurança

A Polônia é um país seguro. Claro que incidentes acontecem, principalmente nas grandes cidades, e cuidados nunca são demais.

Em Cracóvia, por exemplo, íamos do centro histórico até o hostel, que era uns 15 minutos a pé, inclusive a noite, e não tivemos problema, sempre foi muito tranquilo.

Em Varsóvia também era bem tranquilo, inclusive a noite.

 

8 – Gastronomia

A Polônia tem pratos típicos deliciosos, aconselho fortemente que você conheça alguns durante sua viagem pelo país. Um deles é o Pierogi, uma espécie de pastelzinho que pode ser cozido ou frito, recheado de carne ou legumes.

Os poloneses consomem muita carne, principalmente a carne de porco.

Mas os vegetarianos conseguem facilmente achar pratos sem carne, pelo menos nas grandes cidades. Inclusive, em Cracóvia, se consome muita beterraba e um prato típico deles é uma sopa de beterraba, que achei deliciosa.

Um tipo de pão que se encontra bastante por lá é o Obwarzanek. Encontrado com gergelim ou semente de papoula, é uma delícia e eles consomem bastante, seja no café da manhã ou num lanche rápido durante o dia. O Obwarzanek custa em torno de 1,99 zlotys.

coisas importantes para saber antes de viajar para a Polônia

 

9 – Proibido consumir bebida alcóolica nas ruas

É importante saber disso, pois quando estamos de férias e principalmente, em grupo, esquecemos disso e muitas vezes, não pensamos que isso pode ser proibido no país.

Na Polônia é proibido consumir bebida alcóolica nas ruas, mesmo uma simples garrafa de cerveja.

Então, para ficar longe de confusão, procure um bar e divirta-se em segurança.

Aproveite para ler -> 4 bares para conhecer em Cracóvia.

 

10 – Personalidades Polonesas

Essa informação não é assim tão importante, mas é sempre interessante saber algumas curiosidades do local que iremos visitar. Algumas personalidades mundialmente conhecidas e importantes são polonesas, conheça-as:

Frédéric François Chopin – nasceu na Polônia em 1810, e é considerado um dos maiores compositores para piano e um dos pianistas mais importantes da história. Em Varsóvia, existe um monumento em homenagem a ele.

Nicolau Copérnico – foi um astrônomo e matemático que nasceu em 1476. Ele estudou na Universidade de Cracóvia e desenvolveu a Teoria Heliocêntrica do Sistema Solar. Com essa teoria afirmou que o sol era o centro do Universo, contrariando a teoria vigente da época, que considerava a Terra o centro do Universo.

Marie Skłodowska Curie – nasceu em 1867 em Varsóvia. Foi uma cientista que conduziu pesquisas pioneiras no ramo da radioatividade. Foi também a primeira mulher a receber um Prêmio Nobel, e a primeira pessoa e única mulher a ganhar esse prêmio 2 vezes. Além de ter sido a primeira mulher a dar aula em uma Universidade.

Papa Joao Paulo II – nascido em 1920, foi o Papa e líder mundial da Igreja Católica Apostólica Romana de 16 de outubro de 1978 até 02 de abril de 2005, data de sua morte. A maioria da população polonesa é católica, portanto, o Papa Joao Paulo II é o grande orgulho do país.

coisas importantes para saber antes de viajar para a Polônia

Agora você já tem informações importantes para planejar a sua viagem para a Polônia.

Veja também todas as nossas postagens de Varsóvia e Cracóvia.


Lembre-se!! Se você quiser ajudar o blog, reserve seu hotel pelo Booking.com diretamente nos links aqui do blog. Dessa forma, receberemos uma pequena comissão e você não pagará nada a mais por isso.



Booking.com


Já está seguindo a gente nas redes sociais?! Aproveita, segue e não perca nenhuma das nossas aventuras e passeios!!

Facebook

Instagram

Twitter

Pinterest

Você pode gostar também

12 Comentários

  • Reply
    Karilayn Areias
    8 de abril de 2017 at 17:35

    Que bacana! Dicas essenciais para quem quer conhecer a Polônia, além de coisas que não fazia ideia…

  • Reply
    FRANCIELLY ZIMERMANN
    15 de março de 2018 at 00:45

    Moro no brasil para facikitar a viagem tenho que comprar passagem p que oais p ficar mais facil p irme a polonia?

    • Reply
      Aline Dota Naganawa
      16 de março de 2018 at 06:59

      Olá Francielly,
      São muitas opções. Dependerá do seu tempo, do tipo de viagem que quer fazer, qual cidade da Polônia quer visitar e do dinheiro que tem disponível para a viagem. Procure pelo mapa e pelos buscadores de passagens aéreas o que melhor se encaixa para você.

  • Reply
    Denise Bragatto
    19 de maio de 2019 at 06:51

    Bem.uteis as sua informações

  • Reply
    Aline Kupkowski
    5 de junho de 2019 at 13:40

    Conhecer a Cracóvia é um sonho que muito em breve será realizado. Parabéns pela matéria 🙂

  • Reply
    Anna Luyza
    30 de junho de 2019 at 16:16

    Aline,
    Ótima matéria.
    Estarei em Londres em março de 2020 e queremos ir para a Polônia. Qual a melhor opção para quem tem uma mala de 23kg? Queremos ficar cerca de 10 dias na polônia e ainda não sabemos se melhor entrar por Varsóvia ou Cracóvia.
    Vi que é melhor voar low cost, mas sei que nem todas as tarifas compensam com mala de 23.
    Qual a sua dica sobre a ida?
    Outra coisa, vale a pena alugar carro ou Uber funciona bem?
    Agradeço se puder ajudar

    • Reply
      Aline Dota Naganawa
      3 de julho de 2019 at 06:12

      Olá Anna, a melhor forma de fazer esse trajeto é mesmo de avião. Faça pesquisas se vale a pena voar de low cost e comprar uma mala de 23kg, ou comprar uma passagem normal.
      Quanto a alugar carro, depende muito da sua viagem. Se for só para andar no centro da cidade, não é necessário e se sua hospedagem for próximo do centro, conseguirá fazer a maior parte das coisas a pé.
      Boa viagem!

  • Reply
    Marisa
    8 de agosto de 2019 at 10:19

    Excelente seus artigos e impressões sobre a Polônia. Estou indo agora e retorno ao Brasil em Setembro. Bastante ansiosa. Por acaso vcs estiveram no Condado de Kamien, às márgens do Báltico?

    • Reply
      Aline Dota Naganawa
      8 de agosto de 2019 at 12:18

      Olá Marisa, infelizmente não fomos. Desejo que faça uma excelente viagem!

  • Reply
    Paulo Sérgio
    15 de agosto de 2019 at 09:58

    Parabéns pela matéria pretendo ir conhecer

  • Deixe um comentário