Bélgica Cervejaria Belga Val-Dieu

Abadia Val-Dieu na Bélgica- Como visitar e tomar uma boa cerveja belga

L’Abbaye du Val-Dieu, uma visita à abadia belga

Uns amigos indicaram a Abadia Val-Dieu, que fica na Bélgica, mas bem pertinho de Aachen e como visitar cervejarias sempre está no nosso destino, lá fomos nós.

Abadia Val-Dieu

Um pouco da história da Abadia Val-Dieu

A história da Abadia remonta a 1216, quando monges saíram de uma cidade próxima a Maastricht, na Holanda, e se estabeleceram na região, chamando-a Val-Dieu, que significa Vale de Deus.

Em 1287, a igreja foi destruída em decorrência de uma guerra que aconteceu na região. Foi reconstruída, mas novamente destruída em 1574, durante a Guerra dos Oitenta Anos. Em 1683, foi destruída pela terceira vez pelos exércitos de Louis XIV. Durante a Revolução Francesa, a igreja foi destruída pela quarta vez, mas sobreviveu e foi a única abadia belga a sobreviver à Revolução Francesa.

Hoje a abadia é ocupada pela comunidade cristã, e segue a regra de São Bento e a tradição beneditina e cisterciense.

Abadia Val-Dieu
Abadia Val-Dieu

A cervejaria de Val-Dieu

Em 1997, foi criada na abadia a Brasserie de l’Abbaye du Val-Dieu, que começou a fabricar cervejas.

O desenvolvimento da fabricação de cerveja foi inicialmente associado à necessidade de tornar a água potável, e assim evitar doenças comuns naquela época, como cólera e febre tifoide.

Até hoje, as cervejas produzidas em Val-Dieu são baseadas nas receitas originais dos monges e são fieis a tradição de refermentação na garrafa, não tem adição de aromatizantes nem especiarias. Todo o processo de fabricação das cervejas dura de 6 a 8 semanas.

As cervejas comercializadas pela Abadia Val-Dieu são a clara (6%), a escura (8%) e a de tripla fermentação (9%).

Como visitar a Abadia Val-Dieu

Infelizmente, não há um transporte público para chegar ao local. O trajeto deve ser feito de carro ou taxi. Uma outra forma de chegar a Abadia, é de bicicleta. Saindo de Maastricht, por exemplo, percorre-se aproximadamente 22 km até a Abadia.

A Abadia fica aberta para visitação, já a cervejaria não.

Ao lado da Abadia, existe um restaurante, onde é servida comida belga e você poderá provar as deliciosas cervejas Val-Dieu.

Abadia Val-Dieu

A área externa é uma delícia, mas eles também disponibilizam muitos lugares na parte interna.

No restaurante, a dica é comprar o pão, além de poder incrementar seu almoço, ele é delicioso para levar para casa.

Abadia Val-Dieu
Abadia Val-Dieu

Ainda existe uma loja da Abadia Val-Dieu, onde pode-se comprar artigos religiosos. Além disso, eles também comercializam as cervejas e queijos. Não deixe de comprar o queijo que é produzido na Abadia, é delicioso. Lá também pode-se encontrar chocolates belgas.

Dica da Li: Eu amo cidra, e a Abadia Val-Dieu produz uma cidra deliciosa. Com 7,5% de teor alcoólico, a cidra Stassen Cidre D’Abbaye du Val Dieu bem gelada é uma boa opção para quem gosta de bebidas mais docinhas.

Somente um detalhe, o monge que nos atendeu na loja da Abadia não falava nenhuma palavra em inglês. Então se você não fala francês, terá que gastar seu estoque de mimica, mas nada impossível.

Abadia Val-Dieu

Distância da Abadia Val-Dieu em relação a outras cidades

Esse é um excelente passeio para se fazer um bate-volta, para um almoço especial. Vou listar algumas cidades que ficam próximas a Abadia Val-Dieu

Distância de Colônia (Alemanha) – 120 KM

Distância de Aachen (Alemanha) – 47 KM

Distância de Bruxelas (Bélgica) – 120 KM

Distância de Maastricht (Holanda) – 24 KM

Endereço: Val-Dieu 225 – Aubel – Bélgica

Vale a pena conhecer a Abadia, almoçar por lá e passear pela região!!


Já está seguindo a gente nas redes sociais?! Aproveita, segue e não perca nenhuma das nossas aventuras e passeios!!

Facebook

Instagram

Twitter

Pinterest


Lembre-se!! Se você quiser ajudar o blog, reserve seu hotel pelo Booking.com diretamente nos links aqui do blog. Dessa forma, receberemos uma pequena comissão e você não pagará nada a mais por isso.



Booking.com

Você pode gostar também

3 Comentários

  • Reply
    Melissa Lima
    20 de agosto de 2016 at 08:11

    Sabe que eu visitei essa abadia, o guia era espanhol, nao entendia nada ainda….rs Aprendi muito mais com seu post do que com minhas visita, que foi visual….rs É realmente muito bonita. 🙂 Besitos.

  • Reply
    Simone Hara
    20 de agosto de 2016 at 08:11

    Que delícia de passeio! Eu AMO cerveja, então com certeza vai entrar pro meu roteiro na próxima viagem!

  • Reply
    Claudia Bins
    20 de agosto de 2016 at 08:11

    Que lugar lindo, um passeio sem dúvida inesquecível!

    Clau @AsPasseadeiras

  • Deixe um comentário

    viaje com segurança