Alemanha Cidades da Alemanha Região Norte Alemanha

Hameln – Rota dos Contos de Fadas

Hameln é uma pequena cidade alemã, localizada no Estado da Baixa Saxônia (Niedersachsen em alemão).
Ela faz parte da Rota dos Contos de Fadas, pois nela se passa a história dos irmãos Grimm: O Flautista de Hamelin (Rattenfänger von Hameln em alemão).

Em um breve resumo, é uma fábula sobre a praga de ratos que infestou a cidade em 1284. Um dia chegou à cidade um homem que se intitulava “caçador de ratos”. Então, toda a população prometeu um bom pagamento à esse homem, se ele acabasse com os ratos. O pagamento seria uma moeda para cada cabeça de rato. O homem aceitou o acordo, pegou a flauta e começou  tocar, hipnotizando todos os ratos. Levou-os em direção ao rio Weser, fazendo com que pulassem no rio, e assim, morreram afogados.

Apesar de ter acabado com os ratos, o homem não recebeu seu pagamento. A população alegou que ele não entregou nenhuma cabeça de rato, portanto, não receberia nada. 

O homem deixou a cidade. Alguns dias depois, enquanto todos estavam na Igreja, o homem retornou e novamente tocou sua flauta, mas dessa vez, hipnotizando as crianças. Cento e trinta meninos e meninas seguiram o flautista para fora da cidade, foram trancados numa caverna e desapareceram para sempre. A cidade ficou vazia e triste.

Supõe-se que a história dos Irmãos Grimm é baseada num fato real. Provavelmente aconteceu mesmo em 1284, mas não exatamente como foi imortalizada pelos irmãos.

Alemanha
Detalhe encontrado no chão, em todo o centro antigo de Hameln

Hamelin em português, fica localizada numa região de colinas, e é cortada pelo rio Weser.

A cidade começou a ser fundada em 790 aproximadamente, quando um mosteiro começou a ser construído. Casas começaram a surgir em volta do mosteiro e assim, a cidade começou a crescer. Foi considerada uma cidade no ano 1200.

Uma muralha que cercava toda a cidade foi construída com diversas torres, a primeira torre foi mencionada no ano de 1333. Em 1888, Napoleão atacou a cidade e destruiu a muralha, restando apenas 2 torres.

 

Curiosidades sobre Hameln durante a 2ª Guerra Mundial

Durante a Segunda Guerra Mundial, a cidade ficou conhecida pois nela aconteceu de 1933 a 1937 a Reichserntedankfest. Com cerca de 1 milhão de participantes vindos de toda a Alemanha, foi um dos maiores eventos nazistas.

A cidade tinha também uma prisão, onde ficaram presos adversários políticos, homossexuais e judeus. Com o fim da Segunda Guerra, os britânicos usaram essa mesma prisão para prender guardas nazistas, principalmente os presos em Bergen-Belsen, um campo de concentração próximo (Fui visitar esse Campo de Concentração, você pode ler a postagem clicando aqui).

Nessa prisão foram julgados, condenados e executados Josef Kramer, comandante do campo de concentração Bergel-Belsen, e também Irma Grese, uma guarda feminina nos campos de concentração de Auschwitz, Bergen-Belsen e Ravensbruck. Foi apelidada pelos presos de “A cadela de Belsen” devido seu comportamento sádico e perverso. Entre outros que trabalharam a favor do nazismo.
Essa é uma cidade ideal para fazer um bate-volta de Hanover, por exemplo. O centro é pequeno, fácil de ser conhecido a pé e o roteiro é feito em poucas horas.

Hameln
Fonte do Flautista

Pontos importantes para ver em Hameln

Alemanha
Stiftsherrenhaus

Mansão construída em 1558, pelo comerciante e prefeito Friedrich Poppendiek. Mostra uma fachada rica em ornamentos.

Alemanha
Hochzeitshaus
A casa do casamento é um salão construído entre 1610 e 1617, para realizar celebrações populares. Foi o último edifício  na cidade construído no estilo renascentista.
Hameln
O outro lado da Hochzeitshaus
Alemanha
Torre e a parte da muralha que ainda são preservadas

 

Alemanha
Rio Weser e o detalhe do ratinho dourado em cima da ponte

 

Alemanha
Bürgerhus

Construída em 1560, essa casa é considerada uma jóia das construções Enxamel (Fachwerk).

Mosteiro

O Mosteiro de São Bonifácio foi construído entre 802 e 812. Em 1209, foi destruído por um incêndio. Sua reconstrução aconteceu entre os séculos 13 e 14, mas num estilo gótico-romântico.

Casa construída em 1500, essa casa servia como central administrativa do mosteiro.

Alemanha

Alemanha
Bungelosenstraße

Esse é o caminho onde, segundo a história, as crianças hipnotizadas passaram para sair da cidade.

Hameln
O nome da rua significa: Rua sem música
Hameln
Rattenfängerhaus
No final da rua encontramos essa casa de esquina, que foi nomeada casa do Caçador de Ratos.
Construída entre 1602-1603 pelo vereador Hermann Arendes mostra elementos da arquitetura do Renascimento.

Durante todo o passeio, muitos elementos que fazem referencia a história, nos faz sentir em um conto de fadas.
Quero conhecer todas as cidades da Rota dos Contos de Fadas.


Já está seguindo a gente nas redes sociais?! Aproveita, segue e não perca nenhuma das nossas aventuras e passeios!!

Facebook

Instagram

Twitter

Pinterest


Lembre-se!! Se você quiser ajudar o blog, reserve seu hotel pelo Booking.com diretamente nos links aqui do blog. Dessa forma, receberemos uma pequena comissão e você não pagará nada a mais por isso.



Booking.com

Booking.com

Você pode gostar também

2 Comentários

  • Reply
    Danielli Lima
    6 de janeiro de 2016 at 07:53

    Adorei o post.
    Estou indo morar na Alemanha bem do lado da Saxonia.
    Beijos

  • Reply
    A Li na Alemanha
    6 de janeiro de 2016 at 07:53

    Obrigada!!
    Que delícia Danielli, boa sorte pra você!! 🙂

  • Deixe um comentário