livros

Dia Mundial do Livro – Dica de 6 livros para viajar sem sair de casa

Você sabia que dia 23 de abril é o Dia Mundial do Livro? Sim, nessa data se comemora o Dia Mundial do Livro e dos Direitos Autorais. A data foi escolhida durante uma Conferência da UNESCO realizada em Paris, em 1995. E por que 23 de abril? Esse dia foi escolhido pois, nele morreram nomes importantes da literatura, como: William Shakespeare, Miguel Cervantes e Inca Garcilaso de la Veja. A finalidade dessa celebração é promover o prazer pelos livros e estimular a leitura. Os livros têm o poder de nos fazer viajar, nos proporcionam conhecer novas culturas, nos levam a outros mundos, nos distraem, satisfazem, nos deixam felizes. Os livros nos fazem voar para dentro da história e estimulam nossa imaginação.

A cada ano, é escolhida uma cidade para ser a Capital Mundial do Livro da UNESCO. Nessa cidade acontecem eventos e atividades para promover a leitura, entre elas estão: reuniões com escritores e ilustradores, exposições temáticas, leituras de poesia, workshops, entre outros. No ano de 2018, a cidade de Atenas foi escolhida para sediar as comemorações. A cidade foi escolhida pela qualidade dos seus programas de apoio ao setor editorial, o que proporciona uma facilitação no acesso aos livros. Esses programas abrangem a população como um todo, mas principalmente migrantes e refugiados.

E para comemorar o Dia Mundial do Livro, preparamos uma lista com 6 livros para viajar sem sair de casa. Todos os livros que separamos são histórias reais, vivenciadas por seus autores. Isso deixa o livro ainda mais interessante, e instiga ainda mais a vontade de conhecer o local onde aconteceu aquela experiência. Esses livros também podem te inspirar a presentear aquele amigo que ama viajar. Ou presentear aquele outro amigo que você gostaria de inspirar para ele viajar mais. Ou até mesmo, para presentear você, e te inspirar a viajar em casa ou não!

Os livros que leio e mais gosto, vou contando para vocês aqui no blog também, já temos indicações de vários livros.

livros para viajar sem sair de casa

 

6 livros para viajar sem sair de casa

Sob o sol da Toscana

Esse é o livro que deu origem ao filme, que é bem mais conhecido. O livro autobiográfico escrito pela americana Frances Mayes, conta sobre sua experiencia de ter uma casa na região rural de Cortona, que fica na Toscana, Itália. O livro é muito mais detalhado que o filme, e ainda conta com receitas italianas deliciosas.

 

Mil dias em Veneza

Uma história real de uma americana e um italiano que se apaixonaram em Veneza. Nesse livro, Marlena de Blasi conta a sua história quando decide se mudar dos Estados Unidos para Veneza, para se casar com Fernando. No livro ela narra todas as descobertas e dificuldades de viver num novo país. Como foi viver com costumes e cultura diferentes dos seus.

 

No ar rarefeito

O escritor e jornalista Jon Krakauer foi convidado para escrever sobre a crescente procura pelas escaladas ao Monte Everest. Em maio de 1996, participou de uma excursão guiada ao topo do monte. Mas esse fato ficaria marcado para sempre devido a uma tragédia, uma tempestade atingiu o local e 9 pessoas morreram. Sobrevivendo a toda essa tragédia, Jon Krakauer descreveu nesse livro toda a sua experiencia.

Se você se interessa pelo tema, existem mais 2 livros que são frutos dessa tragédia. O livro Deixado para morrer, do sobrevivente Beck Weathers e A Escalada de Anatoli Boukreev, que era um montanhista russo responsável pela expedição. Acho sempre interessante conhecer a mesma história de pontos de vistas diferentes.

Aproveitando que falamos sobre um livro de Jon Krakauer, não poderia deixar de pelo menos citar outro livro do autor que também faz muito sucesso: Na natureza selvagem. Nesse livro o autor também narra uma história real de um jovem, Chris McCandless. O jovem viajou para o Alasca e foi encontrado morto. O livro também ganhou um filme, de mesmo nome, que é bastante interessante. Quando assistir ao filme, preste atenção na trilha sonora maravilhosa composta, na sua maioria, por Eddie Vedder, vocalista da banda Pearl Jam. Toda a trilha sonora é encontrada no álbum Into the Wild, que foi o primeiro álbum solo do cantor. Não é só porque sou fã de Pearl Jam, mas essa trilha sonora é muito bonita e emocionante, um casamento perfeito entre música e filme.

 

Quatro estações em Roma

O escritor americano Anthony Doerr recebeu um prêmio da Academia Americana de Artes e Letras. Com esse prêmio ele teve o direito a um apartamento na Itália durante um ano para escrever. Durante esse período o escritor morou com a sua família em Roma, onde ele escreveu Quatro estações em Roma.

 

O que o turista deve ver

Esse livro de Fernando Pessoa foi publicado postumamente. Ele é um guia de Lisboa, provavelmente escrito em 1925. Foi encontrado datilografado em inglês e pronto para ser publicado. É muito interessante conhecer Lisboa pelos olhos desse grande poeta português. Nesse guia ele descreve Lisboa, os lugares que gostava e tinha como objetivo dignificar Portugal, que Pessoa achava estar sendo “descategorizado” em relação a outros países da Europa.

 

Na pior em Londres e Paris

Eric Arthur Blair estava desempregado e resolveu morar Paris, em 1928, para tentar tornar-se escritor. Durante esse período escreveu dois romances e vários contos, todos recusados pelas editoras. Passando por muitas dificuldades financeiras em Paris, decidiu se mudar para Londres. Lá sua vida continuou difícil até finalmente conseguir um emprego. Em Na pior em Londres e Paris, o escritor narrou suas experiências durante esse período difícil e com um pseudônimo conseguiu publicar seu livro graças a um pequeno editor que gostou das histórias, desde que fossem retirados os palavrões. Assim nasceu George Orwell.

 

Esses foram os 6 livros, com bônus de mais 3 livros, que separamos para comemorar o Dia Mundial do Livro com boas leituras. São 6 livros para viajar sem sair de casa, e depois de ler, quem sabe conhecer esses locais ao vivo e a cores!

 

*Fonte: Site UNESCO




Booking.com

Planejando sua viagem?

Essas informações serão úteis para você

 Sempre que viajamos reservamos nossa hospedagem, seja em hotel ou hostel, pelo Booking.com. Veja todas as nossas experiências em hotéis/hostels durante as viagens.

Nunca viajamos sem um Seguro Viagem. Ainda não precisamos usá-lo, mas gostamos de estar prevenidos. Saiba como obter seu Seguro Viagem.

Ganhe tempo nas suas viagens comprando os ingressos antecipadamente pela Get your Guide. Eles oferecem ingressos para atrações, tours, passeios de barco, ingressos com várias atrações combinadas, entre outras opções. Garanta seu lugar e evite filas!

Você pode gostar também

2 Comentários

  • Reply
    Inês Dota
    23 de abril de 2018 at 23:48

    Muito interessante saber disso, não fazia idéia de que havia sido criado o dia mundial do livro, penso que deveria ser divulgado pela mídia. Obrigada pela informação

    • Reply
      Aline Dota Naganawa
      24 de abril de 2018 at 18:26

      Também acho que deveria ser mais divulgado. A leitura é muito importante!

    Deixe um comentário